Christian Chaize, Praias

Não é bem a imagem habitual que se obtém da praia portuguesa, mas vale a pena vaguear um pouco ao longo destas imagens de Christian Chaize. Uma paisagem que sugere novas formas, encontradas pelo distanciamento e vislumbradas pela meditação, tudo isso conjugado na função social embebida pela população que a habita. Não é bem o amor à primeira vista que se obtém delas, pois ele só virá, se vier, mergulhando em profunidade.

Share: Facebook, Twitter, Pinterest

Leave a Comment: