ligações (pouco) perigosas @06.07.2010



  • Um Estado que não sabe lidar com homens feitos de uma só peça. Num momento em que a cultura vai agonizando e se vê perante cortes substanciais, o fotógrafo Paulo Nozolino devolve a “esmola” e as proverbiais acusações de subsidiodependência. Esquecem-se os “contratados” que nunca (?) foram subsidiados, que para serem contratados muito provavelmente alguém terá sido subsidiado, pois que dificilmente se passa cultura neste país que não saia de alguma forma de subsidio.
  • Whoever doesn’t know [Rineke] Dijkstra’s work must have been living under a proverbial rock“. Para conhecer, 10 fotógrafos holandeses.
  • Edgar Martins e “New York Times”: depois da polémica, as galerias. Ainda bem.
  • Mais um round do animado jogo de ping-pong entre Mr Conscientious e Mr Daylight Magazine.

Share: Facebook, Twitter, Pinterest

Comments:

July 7, 2010

Sobre o caso Nozolino, um debate com alguns momentos interessantes, chegou a dar-se aqui: http://www.forumfotografia.net/index.php?topic=65163.0 Hajam ou não Pais Natal, julgo que Para o Paulo Nozolino (ou outros) recusar-se a fazer parte de uma "massa" de "satélites" que certas mentalidades pretendem criar à sua volta, somente porque têm o poder de redistribuir o dinheiro que não é deles, é um acto de grande coragem e dignidade.

Leave a Comment: