Richard Avedon, In The American West

“I think I’ve photographed what I’m feeling myself and recognize in someone else.”

“A portrait photographer depends on another person to complete his picture – the subject imagined – which in a sense is me.”

Richard Avedon, tornado famoso pela fotografia de moda, aparece em 1985 com este espantoso trabalho de retrato, cujo título, embora grandioso, parece algo amplo para o escopo de personagens que apresenta, certamente deixando de fora uma boa parte do “West”, para representar talvez a parte mais marginal do mesmo. As almas mais sociológicas interrogar-se-ão a respeito desse âmbito, mas é provável que essas dúvidas façam mais sentido à luz do academismo actual, do que propriamente ao tempo a que o trabalho se reporta ou até à intenção com que foi feito. Parecendo estranho que um fotógrafo de grandes plateaus se dedique a “marginalidades”, o certo é que Avedon pareceu, ao menos externamente, lutar contra o rótulo de fotógrafo de moda. Neste artigo são analisadas as suas idéias sobre as noções de verdade fotográfica, de autoria, de identidade e de sentido da fotografia, não tanto como parte de uma discussão teórica, mas como sentido de auto-descoberta através de acto de fotografar outros, vale a pena ler.
Share: Facebook, Twitter, Pinterest

Leave a Comment: